CRIOLIPÓLISE: REDUÇÃO DE GORDURA LOCALIZADA SEM CIRURGIAS

O que é a criolipólise?

A criolipólise é um tratamento não invasivo que reduz a gordura corporal através do processo de resfriamento.
O método, desenvolvido por cientistas de Massachusetts General Hospital e da Universidade de Harvard (Estados Unidos), se usa um aparelho com forma de placa que aplica na pele resfriando o tecido adiposo. A aplicação de congelamento descompõem as células gordurosas e o próprio organismo as absorve.
Os passos básicos são bem simples e tentaremos explicar da forma mais fácil possível. É um método válido para homens e mulheres.

O paciente deve procurar um consultório onde queira fazer o tratamento, para que um especialista possa valorar as áreas que possam ser tratadas com este procedimento,em função ao peso, a gordura e as zonas danificadas do paciente.
Depois de analisar todos os aspectos e escolher as zonas a ser tratada partimos ao tratamento, se aplica sobre a pele do paciente uma capa anti-congelante(em zonas a ser tratadas). O propósito disso é que quando se programe a máquina para atingir baixas temperaturas, que não danifiquem a pele do paciente.
Assim se consegue que o resfriamento passe diretamente as células gordurosas. Uma vez feito todo esse processo,se programa a máquina,dependendo da intensidade e a temperatura que se deseja obter.
Normalmente a temperatura é programada entre 5 ℃ à 10 ℃ ,dependendo da zona a ser tratada ,se regula o procedimento de criolipólise durante, mais ou menos tempo e varia a temperatura.

 

A criolipólise é perigosa? Opiniões

A criolipólise é um procedimento realmente simples e eficaz. Seu processo não requere cirurgias, não requere anestesias e sem nenhum tipo de aplicacão com agulhas. O tratamento de criolipólise é indolor e é um tratamento bem simples. Costuma-se ser realizada uma sessão por cada área a ser tratada com duração de 40 minutos por zona.
Os resultados aparecem a partir do segundo mês e os pacientes se alegram com os resultados. Em 3 a 4 meses de tratamento os resultados são ótimos e a maioria dos casos (cerca de 90%) não é preciso realizar uma terceira ronda de sessões.
A sessão de criolipólise é um procedimento indolor. Durante o procedimento se nota o resfriamento da zona tratada, assim como uma sensação de adormecer na parte da gordura localizada. Depois que se termina a sessão , o paciente já pode realizar suas atividades cotidianas normalmente.

 

Onde costuma se aplicar a criolipólise?

A temível gordura localizada no abdômen costuma ser a área mais solicitada na hora de realizar uma criolipólise. A máquina que se realiza o tratamento é chamada de Zeltiq, este aparelho tecnológico respeita completamente a pele e só afeta os adiposos (a gordura). O umbigo, abdômen e o baixo ventre são as zonas mais tratadas e é importante saber que a criolipólise esta indicada para pequenas acumulações de gordura.
A criolipólise não é um tratamento contra estar acima do peso ou obesidade. É uma opção para as pessoas que desejam reduzir gordura localizada em algumas zonas do corpo. A empresa que desenvolveu esta tecnologia diz que com este procedimento se pode reduzir a gordura das quais com uma dieta e exercícios não poderia ser reduzida.
Também se pode aplicar no culote para diminuir o volume de gordura que costumam provocar aqueles famosos “pneuzinhos”. Como já dissemos, a grande vantagem é que por não ser um tratamento invasivo e a dor é inexistente faz com que o tempo de recuperação seja imediato.
Sempre quando o paciente realize uma dieta saudavél e equilibrada. Em todos os casos, se a gordura aparecer de novo, se pode repetir a criolipólise sessão sem nenhum problema. A continuação mostramos outros meios úteis para a redução da gordura abdominal.

 

Atenção: O resultado do tratamento pode variar conforme o organismo da(o) cliente.